quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Doação de sangue na avenida do samba

A Fundação Hemopa ainda não atingiu a meta de 300 coletas/dia na campanha de carnaval que começou dia 22 e se estenderá até o dia 03/03. No primeiro dia as portas do hemocentro fecharam às 18h com um saldo de apenas 231 comparecimentos e 209 doações efetivadas, apesar da intensa divulgação da ação estratégica impulsionada pela mídia local. Até às 14 horas de hoje houve 184 atendimentos e 156 doadores aptos, que está bem abaixo da meta prevista.

Os doadores do período estão recebendo camisa, preservativos, material educativo, além de lanche especial. O andar térreo da sede do hemocentro ganhou decoração carnavalesca. A mobilização está acontecendo simultaneamente nos municípios de Marabá, Santarém, Castanhal,Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema.

Fazendo parte da programação, o Hemopa organizou o “Bloco da Solidariedade” que fará seu arrastão neste sábado, 26.A concentração será às 10h, em frente a instituição, na avenida Serzedelo Corrêa. Nesta sexta-feira, 25, às 10h, a Assessoria de Gestão de Pessoas (AGESP), organizará um mini arrastão na sede da instituição para sensibilizar o maior número de foliões. “Vamos percorrer os andares do hemocentro até a Recepção de Doadores, culminando a concentração na Copa dos Doadores. Queremos a participação de todos no bloco”, comentou a titular da AGESP, a assistente social Gisele Miranda.

Segundo a gerente de Captação de Doadores do Hemopa, a assistente social Juciara Farias, o bloco tem a finalidade de reunir funcionários, doadores, familiares e a população em geral para apoiar a campanha do carnaval. “É um momento de união e descontração entre a instituição, funcionários, familiares e seus usuários”, comentou, reforçando a importância da adesão à campanha do carnaval para garantir atendimento das solicitações transfusionais da rede hospitalar do estado que atualmente é composta por 218 hospitais.

A campanha do hemocentro também ganhou outra importante parceria com a direção do bloco do Grupo Especial “Sapo Muiraquitã”, do bairro da terra Firme, que levará para a avenida do samba, no desfile oficial da Prefeitura Municipal de Belém, nos próximos dias 5 e 6/03, o tema sobre doação de sangue, de medula e de órgãos com a interpretação do samba enredo “Se dar dói. Doar não dói”. O vice-presidente da agremiação, Francisco Pereira da Silva, o “Pereira PP”, aposta na sensibilização de novos doadores para o hemocentro.

Serviço: Para doar sangue: estar saudável, ter entre 18 e 65 anos e peso acima de 50 quilos.Trazer documento oficial, original e com foto. O Hemopa fica na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Fone:08002808118. FOTO 1- Estoque de sangue precisa de reforço com doações; FOTO 2- Doadora atende apelo da campanha.

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Hemopa convoca parceiros da campanha do carnaval


O Hemopa começou nesta manhã, 22, sua primeira grande campanha de doação de sangue e de medula óssea de 2011, que se estenderá até o dia 03/03. “Neste carnaval deixe a alegria correr nas veias.Doe Sangue”.É o tema da ação do carnaval que tem a finalidade de formar estoque estratégico para atendimento satisfatório da demanda transfusional da rede hospitalar do estado que corresponde a cerca de 218 casas de saúde. Somente na capital são 85 hospitais.A meta é de 300 coletas/dia.Até às 11h de hoje foram registrados 130 comparecimentos.
Dentro da programação desta terça-feira, o Hemopa recebeu o grupo de profissionais da Central de Testagem e Aconselhamento (CTA) da Secretaria Municipal de Saúde (Sesma) que disponibilizou orientações para prevenção e educação sobre o vírus do HIV, junto aos doadores e funcionários do hemocentro. O atendimento deu-se de 10 às 14h.
A coordenadora do serviço, a pedagoga social Mara Rocha, aproveitou a oportunidade e convidou o Hemopa para participar da abertura do carnaval da Prefeitura de Belém com o bloco do CTA, nos dias 5 e 06/03, a partir das 19 na Aldeia Amazônica. A ação contará com a adesão de 18 Organizações Não Governamentais (ONG´s) e a sociedade em geral.Haverá distribuição de 800 abadás. Os interessados devem se dirigir à sede do CTA Belém, na Trav. Pe.Eutíquio, 555, de 2ª a 6ª, de 8h às 18h, para fazer inscrição. A entrega será feita a partir do dia primeiro.
Da mesma forma, a gerente de Captação de Doadores do hemocentro, a assistente social Juciara Farias retribuiu o convite para que a Sesma participe do Bloco da Solidariedade do Hemopa, neste sábado, a partir das 10h, com a concentração na frente do prédio, na rua Serzedelo Corrêa. O bloco tem a finalidade de maior integração entre instituição, funcionários, doadores, familiares, fornecedores e a população em geral. “É uma forma alternativa de buscar a sensibilização de antigos e novos doadores, através da cultura e do fervor do brasileiro pelo carnaval, além de intensificar a divulgação de nossa campanha”, comentou, estendendo o convite a sociedade em geral.
Juciara Farias aposta na superação da meta da ação estratégica do carnaval. “Quem se deslocar para o interior do estado, poderá efetivar sua doação nas unidades do Hemopa.Não esqueçam: antes de cair na folia, doem sangue e salvem vidas”, sugeriu, assegurando que a coleta de sangue não impede diversão de ninguém.
Durante a campanha, os doadores do período receberão camiseta, preservativos, material informativo, além de lanche especial e decoração carnavalesca. Na campanha do carnaval do ano passado, o hemocentro registrou o comparecimento de 1.903 candidatos à doação de sangue, que correspondeu a uma média de 317 comparecimento/dia

Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e portando documento de identidade oficial e com foto pode doar sangue. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.

O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: www.hemopa.pa.gov.br

Foto1- Hemopa convoca doadores para aumentar o estoque técnico de sangue; Foto 2- Profissionais do CTA Belém orientando doadores de sangue.


segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Hemopa com carnaval solidário

“Neste carnaval deixa a alegria correr nas veias.Doe sangue”.É o tema da campanha de incentivo à doação voluntária de sangue e cadastro de doação medula óssea que a Fundação Hemopa desenvolverá de 22/02 a 03/03, com o objetivo de formar estoque técnico para atendimento das solicitações transfusionais de pacientes internados em cerca de 218 hospitais conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), entre eles, grandes emergências, maternidades e UTI´s, além de pacientes atendidos no ambulatório do hemocentro.A meta é de 300 coletas/dia.

A mobilização também será realizada nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema, para assegurar a coleta daqueles foliões que se deslocarem da capital para o interior do estado. Durante a programação haverá distribuição de camiseta, preservativo e lanche especial. Todas as unidades receberão decoração carnavalesca.

Este ano o Hemopa ganhará uma importante e inovadora parceria durante o desfile oficial DO carnaval
da Prefeitura Municipal de Belém com o Bloco “Sapo Muiraquitã”, do Grupo A, que levará o tema da doação de sangue, de órgãos e cadastro de medula para a avenida do samba. O Hemopa também terá seu “Bloco da Solidariedade” formado por funcionários, doadores, pacientes, familiares e a população em geral. Segundo a gerente de Captação de Doadores, a assistente social Juciara farias, o bloco sairá no dia 26, às 10h, da frente do hemocentro. “É uma forma alternativa de sensibilizar a população para aderir a nossa campanha do carnaval”, explicou.

“Se você parar para pensar muitas pessoas precisam de doação de sangue em qualquer canto do Brasil, mas infelizmente não são todos que a recebem quando necessário, pois não são todos que conhecem e percebem a importância da doação de sangue”, comentou a presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei ao agradecer e parabenizar as parcerias entre o hemocentro e a mídia local que brinda o hemocentro com ações de responsabilidade social com a divulgação dos produtos e serviços oferecidos que geram estímulo a doação de sangue de cadastro de medula.Ela aposta na superação de metas proposta para coleta e cadastro de medula.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e portar documento de identidade é um doador em potencial.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/

Fot 1- Antigos e novos doadores serão captados pela ação do carnaval. Foto 2- Estoque de sangue para atendimento satisfatório da demanda transfusional.Foto 3-O Hemopa tem a responsablidade de atender pacientes espalhados por 218 hospitais do Estado.

Foto 1-Funcionários, doadores, familiares e população em geral no Bloco da Solidariedade no carmaval de 2010.Foto 2-O ex-doador de sangue Osvaldo Bellarmino já fez a alegria de muitos pacientes com suas 176 doações voluntárias.Foto 3- Campanha quer atrair antigos e novos doadores.

SBT X Hemopa mobilizam quase 500 doadores

Da Redação

Agência Pará de Notícias

A campanha de doação de sangue “Juntos na luta pela vida”, promovida neste sábado (19) pela Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), em parceria com o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT), superou todas as expectativas. Até as 12h, a meta de conseguir no dia 300 coletas já havia sido alcançada. No final da tarde, quando as atividades foram encerradas, o Hemopa registrou 583 comparecimentos de pessoas dispostas a doar sangue.

O governador Simão Jatene, que passou a manhã visitando hospitais em Belém, também foi à sede central do Hemopa, na travessa Padre Eutíquio. “Fiquei muito feliz em ver a beleza da festa. Vim para parabenizar a iniciativa e agradecer a cada um dos doadores que entenderam o propósito da campanha e vieram doar sangue e um pouco de solidariedade”, ressaltou.

O objetivo da campanha é elevar o estoque estratégico de sangue do hemocentro, visando o atendimento da demanda no período de carnaval, quando normalmente ocorre uma redução de aproximadamente 30% no comparecimento de doadores.

“A resposta da população foi maravilhosa. Todos atenderam ao nosso pedido e, pelo ritmo que está, é provável que a gente termine o dia com mais de 500 coletas”, informou a presidente da Fundação Hemopa, Luciana Maradei.

Movimento - A campanha gerou uma intensa movimentação no hemocentro. No pátio principal da sede foram realizados shows com artistas locais, colocando a cultura como parceira de um serviço essencial à população.

Na sala de espera dos doadores, o fluxo de pessoas foi constante. “Geralmente, em um sábado comum, costumamos registrar uma média de 80 comparecimentos de pessoas interessadas em doar sangue. Hoje, até o meio dia, já registramos mais de 300 comparecimentos. É muito bom ver o quanto as pessoas gostam de ajudar o próximo”, destacou Luciana Maradei.

E foi essa vontade de ajudar que motivou o estudante Michel Pereira, 24 anos, a doar sangue pela primeira vez. “Soube através dessa campanha que no período do carnaval as doações diminuem. Não pensei duas vezes e vim participar do evento. A partir de agora, quero me tornar um fiel doador”, disse ele.

A doação de sangue é novidade para uns, mas já faz parte da rotina de outros. O aposentado Osvaldo Bellarmino durante 43 anos doou sangue para o hemocentro. Hoje, aos 73 anos, ele já não pode mais doar, porém faz questão de participar de todas as campanhas. “Doar sangue pra mim já tinha virado um compromisso. Eu marcava no calendário o dia que tinha que ir doar. É muito bom saber que ajudei a salvar vidas”, declarou. Segundo o Hemopa, Bellarmino doou sangue 176 vezes.

Para ser um doador de sangue é preciso estar bem de saúde, ter peso superior a 50 kg, estar na faixa etária de 16 a 65 anos e bem alimentado, e portar um documento de identidade com foto. O homem pode realizar quatro doações no período de 12 meses, com intervalo de três meses, e a mulher pode fazer três doações, em 12 meses, também com intervalo de no mínimo três meses.

A programação ganhou chamadas dos apresentadores Celso Portiolli e Edson Matoso, que foram veiuladas na grade de programação da emissora desde o dia 07.

Programação do evento:

Atrações a partir das 9h:Banda Fruto Sensual, Xeiro Verde, Bloco Muiraquitã, Bruno e Trio, Os Brothers, Keila Lima e Cia do Tecno, Banda Revelly, Equipe Bio, Anjos do Melody.
Ações no evento: Distribuição de camisetas personalizadas e bonés do SBT, participação de voluntários do Projeto Sorria, distribuição de biscoito Trigolino, refrigerantes e salgadinhos Micos, interação do apresentador Edson Matoso, do SBT Esporte. A ação também contou com chamadas feitas pelos apresentadores Celso Portiollle, de 08 a 19/02, com a Eliana e Edson Matoso de 14 a 19/02, chamadas nas rádios 99 Fm, Rádio Club e Diário FM, de 12 a 18/02. Matérias especiais sobre doadores de sangue com convite para o evento no jornal SBT Pará, nos dias 16, 17 e 18/02. Informações dentro do SBT Esporte de 14 a 18/02. Matéria especial e informações do evento no Etc e Tal, com Úrsula Vidal, que foi ao ar no dia 12/02. Link ao vivo da sede do Hemopa durante o jornal SBT Pará no dia 18, com entrevista da presidente
do Hemopa, dra. Luciana Maradei e convidados. Divulgação de releases nos principais jornais da cidade, envio de email marketing para o quadro de funcionários da emissora pedindo participação de todos.

Serviço: A campanha de doação de sangue do Hemopa para garantir o estoque de sangue durante o carnaval continuará até o próximo sábado (26). O Hemopa fica na Travessa Padre Eutíquio, 2109, e funciona de 7h30 às 18h (de segunda à sexta) e de 7h30 às 12h30, aos sábado)s. Mais informações: 0800-280 8118.Bruna.

Foto1-Na sede do Hemopa, Simão Jatene fez questão de cumprimentar doadores e ressaltar a importância da doação de sangue para salvar vidasFoto 2-A presidente do Hemopa, Luciana Maradei, agradeceu aos doadores e disse acreditar que até o final do dia o número de coletas chegaria a 500. Foto 3- Grupo do Projeto Sorria.Foto 4- Empresas parceiras fazendo sua parte com a responsabilidade social.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Hemopa lança campanha do carnaval

“Neste carnaval deixa a alegria correr nas veias.Doe sangue”.É o tema da campanha de incentivo à doação voluntária de sangue e cadastro de doação medula óssea que a Fundação Hemopa desenvolverá de 22/02 a 03/03, com o objetivo de formar estoque técnico para atendimento das solicitações transfusionais de pacientes internados em cerca de 218 hospitais conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), entre eles, grandes emergências, maternidades e UTI´s, além de pacientes atendidos no ambulatório do hemocentro.A meta é de 300 coletas/dia.

A mobilização também será realizada nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema, para assegurar a coleta daqueles foliões que se deslocarem da capital para o interior do estado. Durante a programação haverá distribuição de camiseta, preservativo e lanche especial. Todas as unidades receberão decoração carnavalesca.

Este ano o Hemopa ganhará uma importante e inovadora parceria durante o desfile oficial do carnaval da Prefeitura Municipal de Belém com o Bloco “Sapo Muiraquitã”, do Grupo A, que levará o tema da doação de sangue, de órgãos e cadastro de medula para a avenida do samba. O Hemopa também terá seu “Bloco da Solidariedade” formado por funcionários, doadores, pacientes, familiares e a população em geral. Segundo a gerente de Captação de Doadores, a assistente social Juciara farias, o bloco sairá no dia 26, às 10h, da frente do hemocentro. “É uma forma alternativa de sensibilizar a população para aderir a nossa campanha do carnaval”, explicou.

“Se você parar para pensar muitas pessoas precisam de doação de sangue em qualquer canto do Brasil, mas infelizmente não são todos que a recebem quando necessário, pois não são todos que conhecem e percebem a importância da doação de sangue”, comentou a presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei ao agradecer e parabenizar as parceiras entre o hemocentro e a mídia local que brinda o hemocentro com ações de responsabilidade social com a divulgação dos produtos e serviços oferecidos que geram estímulo a doação de sangue de cadastro de medula.Ela aposta na superação de metas proposta para coleta e cadastro de medula.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e portar documento de identidade é um doador em potencial.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/

Foto 1- Estoque de sangue para atendimento satisfatório da demanda transfusional.Foto 2- Sala de coleta. Foto 3- Bloco da Solidariedade.

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Hemopa Capanema com bloco solidário

Em sintonia com a programação do hemocentro coordenador de Belém, o Núcleo de Hemoterapia de Capanema, sob a gerência do médico Cláudio Tiego Miranda Lopes, realizará campanha de incentivo à doação de sangue e cadastrado de doadores de medula óssea do carnaval que será realizado de 22/02 a 03/03. A abertura oficial do evento se dará no dia 21, no centro comercial daquela cidade. A meta será de 200 doações de sangue e 100 cadastros de medula.
A mobilização terá abertura oficial no dia 21, com apresentação de artistas locais interpretando marchinhas de carnaval e o samba-enredo do HEMOPA, além de distribuição de material informativo e captação de doadores no centro comercial do município. De 22/02 a 03/03, de 7h30 às 12h30, coleta de sangue e cadastro de doadores de medula na sede do hemocentro.Os doadores no período ganharão camiseta, preservativos e material educativo, repasse de orientações e informações sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST´s), lanche especial e música ambiente. Haverá ainda posto volante de captação no centro comercial da cidade, das 08h às 12h com distribuição de material informativo.
Segundo o dr. Cláudio Tiego, a campanha estratégica terá seu ponto alto no dia 27, com desfile do “Bloco da Solidariedade” composto por servidores, doadores e colaboradores, que participarão do desfile prévio do carnaval oficial do município. “Contaremos com a parceria das Secretarias Municipais de Cultura e Saúde para a execução de atividades informativas e de orientação sobre doação de sangue e prevenção de DST”s AIDS”, adiantou o médico que aposta na superação das metas com a adesão de voluntários em mais essa grande e importante ação estratégica do Hemopa Capanema.
Ele ainda agradeceu as seguintes parcerias: Secretaria Municipal de Cultura de Capanema, Clube de Diretores Lojistas (CDL) de Castanhal, mídia local, 4º CRS, Serviço Municipal de Saúde (SMS) de Capanema, Bonito,Tracuateua, Primavera e Agências Transfusionais de Bragança e de Salinópolis.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e portar documento de identidade é um doador em potencial.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa Capanema fica na Rod. PA 242, Km 0, S/N- Bairro de São Cristóvão. Mais informações: 91- 34622744.

SBT e Hemopa juntos pela vida

No dia 19 de fevereiro, neste sábado, o SBT Pará e o Hemopa (Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará) se unem novamente para a realização de um grande evento social, desta vez com o intuito de elevar o estoque estratégico de sangue do Hemocentro para atendimento satisfatório da demanda transfusional, quando normalmente ocorre redução de aproximadamente 30% do comparecimento de candidatos à doação de sangue, no período momesco. A ação acontecerá na sede do hemocentro coordenador em Belém. A meta será de 300 coletas em apenas um dia, excepcionalmente, das 7h30 às 17h. Na oportunidade também será efetivado cadastramento de doadores de medula óssea. A previsão é de 100 novas inscrições.
Para chamar atenção da população, o SBT preparou uma campanha com o slogan “SBT e Hemopa juntos na luta pela vida“. A ação conta com chamadas gravadas pelos apresentadores Celso Portiolli (Domingo Legal), Eliana e Edson Matoso (SBT Esporte) exibidas pelo SBT, cobertura jornalística do evento no sábado com entradas na programação, além de links ao vivo direto do Hemocentro para o Jornal SBT Pará na sexta, dia 18, incentivando a participação dos telespectadores. Com a ajuda de parceiros, a emissora e o Hemopa estão preparando um dia cheio de atrações com shows de bandas regionais, convidadas e apresentações de grupos carnavalescos, além da distribuição de camisetas e bonés personalizados, preservativos, além de lanche especial àqueles que doarem sangue. Para se tornar um doador de sangue é necessário estar bem de saúde, ter entre 18 e 65 anos; peso acima de 50 kg. Para se candidatar à doação de medula óssea basta ter entre 18 e 55 anos e estar em bom estado de saúde. Em ambos os casos, o interessado não deve esquecer o documento de identificação com foto emitido por órgão oficial e válido em todo território nacional. Para a presidente do Hemopa dra. Luciana Maradei, essa mais nova parceria com o SBT Pará reforça a importância de ações responsabilidade social em prol da vida. "A campanha já é um sucesso. Agradecemos o apoio em que o maior beneficiado é o usuário dos nossos serviços. A vida agradece".
Programação do evento:
Atrações a partir das 9h:Banda Fruto Sensual, Xeiro Verde, Bloco Muiraquitã, Bruno e Trio, Os Brothers, Keila Lima e Cia do Tecno, Banda Revelly, Equipe Bio, Anjos do Melody e MS”YNC. Ações no evento: Distribuição de camisetas personalizadas e bonés do SBT, participação de voluntários do Projeto Sorria, distribuição de biscoito Trigolino, refrigerantes e salgadinhos Micos, interação do apresentador Edson Matoso, do SBT Esporte. A ação também conta com chamadas feitas pelos apresentadores Celso Portiollle, de 08 a 19/02, com a Eliana e Edson Matoso de 14 a 19/02, chamadas nas rádios 99 Fm, Rádio Club e Diário FM, de 12 a 18/02. Matérias especiais sobre doadores de sangue com convite para o evento no jornal SBT Pará, nos dias 16, 17 e 18/02. Informações dentro do SBT Esporte de 14 a 18/02. Matéria especial e informações do evento no Etc e Tal, com Úrsula Vidal, que foi ao ar no dia 12/02. Link ao vivo da sede do Hemopa durante o jornal SBT Pará no dia 18, com entrevista da presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei e convidados. Divulgação de releases nos principais jornais da cidade, envio de email marketing para o quadro de funcionários da emissora pedindo participação de todos. Foto 1- Presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei coordena reunião com equipes do hemocentro e do SBT para alinhar a programação do evento.Foto 2- A mobilização deverá atrair antigos enovos doadores.

Dia do Repórter- 16 de Fevereiro

Em 16 de fevereiro é comemorado o dia do repórter, profissional caçador de notícias, que nos informa a cada dia todos os fatos ocorridos no mundo.

Ser repórter é colher informações verdadeiras e prepará-las para a divulgação, que pode ser feita através da televisão, dos jornais impressos ou de revistas, pelo rádio e, atualmente, pela internet.

Mas preparar uma notícia não é coisa fácil. Exige conhecimentos e técnicas específicas da área jornalística, além de envolver a pesquisa e a confecção da notícia.

O primeiro modelo de reportagem surgiu com a invenção da tipografia, em meados de 1440, criada por Johan Gutemberg, onde o sistema de impressão era feito com tipos de metal e com as letras em alto relevo.

Após o período da revolução industrial, as técnicas de impressão ganharam mais rapidez e qualidade, aumentando as publicações.

Os noticiários em rádio chegaram ao Brasil através de Edgard Roquete Pinto, considerado “o pai do rádio”, onde o mesmo previu que o objeto se tornaria um transmissor da cultura popular. Em 1922 foi realizada a primeira transmissão, expondo o discurso do presidente Epitácio Pessoa sobre os cem anos da Independência.

A primeira rádio emissora foi fundada por Oscar Moreira Pinto, em 1919, a Rádio Clube de Pernambuco, sendo seguida pela Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, em 1923.

Em abril de 1950, tivemos o primeiro canal televisivo do país, mas as transmissões com maior qualidade só foram possíveis com a inauguração da TV Tupi. O primeiro telejornal foi apresentado em 19 de setembro, com o nome de “Imagens do Dia”, apresentado por Ribeiro Filho.

Com a evolução dos meios de comunicação, chegamos à era da informatização, onde as notícias correm de forma bem mais rápida. A globalização e o acesso à internet possibilitam que, em tempo real, acompanhemos um fato acontecido do outro lado do mundo.

Um repórter deve trabalhar com ética, buscando sempre a verdade sobre a notícia, sem fazer alarde ou sensacionalismo com a mesma. É ético também apresentar uma linguagem objetiva e clara, desvinculando o jornalismo da literatura.

Com isso, consegue atingir todas as classes de leitores, levando para os mesmos os fatos ocorridos, as notícias, que são consideradas direitos de todos e, portanto, vistas como bens públicos.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Hemopa convoca para campanha do carnaval

“Neste carnaval deixa a alegria correr nas veias.Doe sangue”.É o tema da campanha de incentivo à doação voluntária de sangue e cadastro de doação medula óssea que a Fundação Hemopa desenvolverá de 22/02 a 03/03, com o objetivo de formar estoque técnico para atendimento das solicitações transfusionais de pacientes internados em cerca de 218 hospitais conveniados com o Sistema Único de Saúde (SUS), entre eles, grandes emergências, maternidades e UTI´s, além de pacientes atendidos no ambulatório do hemocentro.A meta é de 300 coletas/dia.
A mobilização também será realizada nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema, para assegurar a coleta daqueles foliões que se deslocarem da capital para o interior do estado. Durante a programação haverá distribuição de camiseta, preservativo e lanche especial.Todas as unidades receberam decoração carnavalesca.
A campanha do carnaval deste ano recebeu importantes parcerias que vão impulsionar a ação estratégica. No domingo, 13, de 8h às 13h, o Hemopa participou das comemorações do aniversário dos programas “Barra Pesada” e “Metendo Bronca”, da emissora RBA, na Aldeia Amazônica, com a unidade móvel de coleta que resultou em 42 novos cadastros de doadores de medula óssea, além da divulgação da campanha de doação de sangue do carnaval. No próximo dia 19, de 7h30 às 17h, o SBT Pará promoverá o pré-lançamento da campanha do carnaval, na sede do hemocentro coordenador em Belém, numa ação com apresentações de Bandas, artistas, agremiações carnavalescas e outras pessoas que formam opinião positiva sobre a doação de sangue. Tudo isso no estacionamento do hemocentro, na Serzedelo Correa com Caripunas. Haverá ainda distribuição de brindes patrocinados por empresas parcerias do SBT. A programação ganhou chamadas dos apresentadores Celso Portiolli e Edson Matoso, que estão sendo veiculadas na grade de programação da emissora desde o dia 07.
“Se você parar para pensar muitas pessoas precisam de doação de sangue em qualquer canto do Brasil, mas infelizmente não são todos que a recebem quando necessário, pois não são todos que conhecem e percebem a importância da doação de sangue”, comentou a presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei ao agradecer e parabenizar as parcerias entre o hemocentro as Tv RBA e SBT Pará, além de outros grupos de comunicação do estado que brindam o hemocentro com suas ações de responsabilidade social com a divulgação dos produtos e serviços oferecidos que geram estímulo a doação de sangue de cadastro de medula.Ela aposta na superação de metas proposta para coleta e cadastro de medula.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e portar documento de identidade é um doador em potencial.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/
Fot 1- Antigos e novos doadores serão captados pela ação do carnaval. Foto 2- Estoque de sangue para atendimento satisfatório da demanda transfusional.Foto 3-O Hemopa tem a responsablidade de atender pacientes espalhados por 218 hospitais do Estado.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Transparência é a diretriz da relação do governo com a mídia

10/02/2011 13:01

Da Redação

Agência Pará de Notícias

O secretário de comunicação, Ney Messias (ao centro), ao lado dos diretores da Secom, apresentaram as diretrizes do trabalho que será realizado.

O auditório do Palácio dos Despachos recebeu jornalistas, relações públicas e fotógrafos dos cerca de 80 órgãos da administração direta e indireta.

A missão de dar transparência aos atos do governo, tendo como ferramentas desde as novas mídias digitais aos meios tradicionais e alternativos de comunicação, foi a tônica do encontro que a Secretaria de Estado de Comunicação (Secom) promoveu na manhã desta quinta-feira (10), no Palácio dos Despachos. Mais de 80 participantes, entre assessores, assistentes e técnicos, assistiram à exposição sobre o trabalho que deve criar um diálogo claro e direto com entre população e governo.

O secretário de Estado de Comunicação, Ney Messias, destacou a transparência e a verdade como as principais diretrizes do trabalho da Secom em um governo que "não teme o diálogo". "Não temos medo do enfrentamento
da verdade, pois um bom governo não precisa de defesa. Os assessores que estão nos mais diversos órgãos exercem papel fundamental
neste trabalho de colocar para a população tudo aquilo que está sendo feito", disse.

Destacando as redes sociais como poderosa ferramenta da comunicação institucional atual, Ney Messias apresentou os produtos que estão sendo desenvolvidos pela Secom, como sites, perfis em sites de relacionamentos e a Agência Pará, que será ampliada. Destaque também para novos canais de interação entre sociedade e governo, como os sites Diagnóstico
Pará (www.diagnostico.pa.gov.br) e Pará Responde (www.pararesponde.pa.gov.br).

"É importante que os assesssores estejam envolvidos nessa nova realidade das mídias sociais, mas elas precisam ser usadas com responsabilidade e seriedade", disse Ney Messias, revelando que cada órgão terá um perfil institucional no site de relacionamentos Twitter. "Já conseguimos dar respostas para questionamentos que foram feitos no Twitter com uma agilidade e transparência que talvez não exista em nenhuma administração estadual no Brasil", asseverou.

Cada diretor de área que compõe a estrutura da Secom - Jornalismo e Documentação, Comunicação Popular e Comunitária, Comunicação Institucional e Publicidade e Propaganda - fez uma exposição sobre o trabalho que é desenvolvido. Seja na relação com os meios alternativos, como as rádios comunitárias, seja alimentando veículos tradicionais, como jornais impressos e redes de TV, todos os setores trabalham em consonância, e assim deve ser com as assessorias de cada órgão.

DIGITAL

Uma das novidades anunciadas durante o encontro foi a Tucupix, feira de produtos digitais que vai reunir, durante dois dias, no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, a produção digital de estudantes da rede pública de ensino, como blogs, vídeos, entrevistas, jogos e fotografia. "Vamos qualificar esses jovens naquilo que eles já estão fazendo, criando, assim, um canal de comunicação direto com eles", disse Ney Messias.

A Secom também vai promover concurso de mídia popular, jornada de oficinas de comunicação, concurso cultural anual e prêmio de fotografia, dentre outras ações previstas para este ano. O objetivo é integrar a sociedade cada vez mais com o governo. "A troca de informação é básica na estrutura da comunicação e nos ajuda a fazer um trabalho melhor. A transparência nos protege", arreamatou a secretária adjunta, Simone Romero.

Outra novidade na comunicação governamental é a reformulação do portal do Governo do Pará (www.pa.gov.br) e do site da Agência Pará de Notícias, canal que vai passar a abrigar conteúdo multimídia, como entrevistas em áudio e vídeo. O site Pará Responde, outro veículo novo, serve de plataforma de debate com o internauta. Nele, questionamentos feitos na internet por qualquer cidadão são respondidos por integantres da área de governo correspondente.

"O próprio governador usa o Twitter e agora já reconhece a revolução que as redes sociais causaram na maneira como as pessoas se relacionam e como governantes se relacionam com a sociedade. Nosso trabalho agora engloba também essa diretriz. É assim que vamos dar a resposta para aquilo que a sociedade quer saber", encerrou Ney Messias.

Foto 1- O secretário de Comunicação, Ney Messias (ao centro), ao lado dos diretores da Secom; Foto 2- Representantes dos cerca de 80 órgãos da administração, lotaram o auditório do Palácio dos Despachos.

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Hemopa participa de festa solidária da RBA

A Fundação Hemopa participará das comemorações dos aniversários dos programas “Barra Pesada” e “Metendo Bronca”, do Grupo de comunicação Rede Brasil Amazônia (RBA), neste domingo, 13 de fevereiro, na Aldeia Amazônica. Serão 13 horas de muitas atrações, diversão, atividades esportivas e ações de responsabilidade social, entre elas, o cadastramento de doadores de medula óssea na unidade móvel do hemocentro que permanecerá no evento de 8h às 13h.A meta será de 100 novos cadastros.
O evento servirá de suporte para a divulgação da campanha de incentivo à doação voluntária de sangue e cadastro de medula referente ao carnaval que o Hemopa desenvolverá de 22/02 a 03/03, na sede do hemocentro coordenador Belém, nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema.
“É com muita satisfação que participaremos desse evento comemorativo em parceria com a RBA que destina atenção com a divulgação de nossas ações e serviços, colaborando com a melhoria da saúde pública no Pará. Parabéns às equipes de profissionais do “Barra Pesada” e “Metendo Bronca”, ressaltou a presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei, que aposta na superação de meta de cadastros de doadores de medula óssea.
Para a gerente de Captação de Doadores do Hemopa, a assistente social Juciara Farias, a festa comemorativa da RBA incentivará antigos e novos doadores. “Temos uma longa e importante parceria que promove o bem estar e esperança para todos que dependem de nossos serviços”, comentou, parabenizando cada profissional do Grupo RBA pela iniciativa de responsabilidade social como parte de uma grande e merecida festa pelos aniversários do “Barra Pesada e “Metendo Bronca”.
Para fazer o cadastro de doação de medula é muito simples: basta ter entre 18/55 anos e estar bem de saúde. O interessado deve apresentar documento de identidade oficial e com foto válido em todo território nacional.
Desde janeiro de 2002, que a Fundação Hemopa é referência para cadastramento de candidatos a doadores de medula óssea no Estado do Pará, no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (REDOME), que funciona no Instituto Nacional do Câncer (INCA), no Rio de Janeiro, e que atualmente possui mais de 1,5 milhão de cadastros de doadores não aparentados. Aproximadamente 1.200 transplantes de medula óssea são realizados anualmente no País. No Pará cerca de 150 pacientes esperam na fila por um transplante. Até hoje o Hemopa efetivou mais de 57 mil novos cadastros.
Para fazer o cadastro, o candidato recebe informações sobre o procedimento se concordar faz coleta de uma pequena quantidade de sangue para exames realizados no Laboratório de Imunogenética (LIG), que identifica a tipagem de medula óssea. Essas informações são enviadas para fazer parte da lista nacional do REDOME. Por sua vez, o paciente que precisa encontrar doador tem seus dados cadastrais inseridos no Registro Nacional de Receptores de Medula Óssea (Rereme). Os dados genéticos são cruzados para verificar a compatibilidade entre doador e receptor. A possibilidade de encontrar doador compatível não aparentado é de uma em 100 mil no Brasil e uma em 10 mil no Estado.O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/.
Foto-A gerente de Captação de Doadores, a assistente social Juciara Farias fala da importância da parceria com o Grupo RBA.

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

SBT faz lançamento de campanha de doação de sangue

No dia 19 de fevereiro, sábado, o SBT Pará e o Hemopa (Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará) se unem novamente para a realização de um grande evento social, desta vez com o intuito de elevar o estoque de sangue do Hemocentro para atendimento satisfatório da demanda transfusional do feriadão o carnaval, quando normalmente ocorre redução de aproximadamente 30% do comparecimento de candidatos à doação de sangue. A ação acontecerá na sede do hemocentro coordenador em Belém. A meta será de 300 coletas em apenas um dia, excepcionalmente, das 7h30 às 17h. Na oportunidade também será efetivado cadastramento de doadores de medula óosea. A previsão é de 100 novas inscrições.
Para chamar atenção da população, o SBT preparou uma campanha com o slogan “SBT e Hemopa juntos na luta pela vida“. A ação conta com chamadas gravadas pelos apresentadores Celso Portiolli (Domingo Legal), Eliana e Edson Matoso (SBT Esporte) exibidas pelo SBT, cobertura jornalística do evento no sábado com entradas na programação, além de links ao vivo direto do Hemocentro para o Jornal SBT Pará na sexta, dia 18, incentivando a participação dos telespectadores. Com a ajuda de parceiros, a emissora e o Hemopa estão preparando um dia cheio de atrações com shows de bandas regionais, convidadas e apresentações de grupos carnavalescos, além da distribuição de camisetas, bonés, preservativos, além de lanche especial àqueles que doarem sangue.
Para se tornar um doador de sangue é necessário estar bem de saúde, ter entre 18 e 65 anos; peso acima de 50 kg. Para se candidatar à doação de medula óssea basta ter entre 18 e 55 anos e estar em bom estado de saúde. Em ambos os casos, o interessado não deve esquecer o documento de identificação com foto emitido por órgão oficial e válido em todo território nacional.
Para a presidente do Hemopa dra. Luciana Maradei, essa mais nova parceria com o SBT Pará reforça a importância de ações responsabilidade social em prol da vida. "A campanha já é um sucesso. Agradecemos o apoio em que o maior beneficiado é o usuário dos nossos serviços. A vida agradece".
Programação do evento:
Atrações: Banda Fruto Sensual, Xeiro Verde, Bloco Muiraquitã, Bruno e Trio, Os Brothers, Keila Lima e Cia do Tecno, Banda Revelly, Equipe Bio, Anjos do Melody e MS”YNC.
Ações no evento: Distribuição de camisetas personalizadas e bonés do SBT, participação de voluntários do Projeto Sorria, distribuição de biscoito Trigolino, refrigerantes e salgadinhos Micos, interação do apresentador Edson Matoso, do SBT Esporte. A ação também conta com chamadas feitas pelos apresentadores Celso Portiollle, de 08 a 19/02, com a Eliana e Edson Matoso de 14 a 19/02, chamadas nas rádios 99 Fm, Rádio Club e Diário FM, de 12 a 18/02. Matérias especiais sobre doadores de sangue com convite para o evento no jornal SBT Pará, nos dias 16, 17 e 18/02. Informações dentro do SBT Esporte de 14 a 18/02. Matéria especial e informações do evento no Etc e Tal, com Úrsula Vidal, que foi ao ar no dia 12/02. Link ao vivo da sede do Hemopa durante o jornal SBT Pará no dia 18, com entrevista da presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei e convidados. Divulgação de releases nos principais jornais da cidade, envio de email marketing para o quadro de funcionários da emissora pedindo participação de todos.
Serviço: Evento de doação de sangue e cadastro de doadores de medula óssea SBT e Hemopa Dia: 19/02/2011 – sábado Horário: das 7h30 às 17h Local: Sede do Hemopa: Travessa Padre Eutíquio, 2109 – Batista Campos. Atrações: Shows diversos. Mais informações: 08002808118.

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Belém participa do Dia Nacional de Mobilização contra a Dengue

Da Redação
Agência Pará

A Superintendência Estadual da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) realizará nesta quarta-feira (9), a partir das 9h, o Dia Nacional de Mobilização da Funasa Contra a Dengue, tendo como slogan "Ambiente Saudável Livre da Dengue". O evento tem apoio da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), Secretaria Municipal de Saúde de Belém (Sesma), Serviço Social do Comércio (Sesc) e empresas privadas.

Com início em frente à sede da Funasa, na Avenida Doca de Souza Franco, a programação contará com visitas aos prédios vizinhos para verificar a existência e eliminar criadouros do mosquito Aedes aegypti; distribuição de kits de mobilização, como bonés, camisetas, calendários de mesa, adesivos para carro e folders; afixação de faixas, banners e cartazes com mensagens educativas/informativas; atividades lúdicas para familiares dos servidores e exposição da Unidade Móvel de Controle da Qualidade da Água (UMCQA)

A iniciativa é do próprio ministro da Saúde, Alexandre Padilha, após reuniões com o presidente da Funasa, Faustino Lins Filho e superintendentes estaduais de todo o país. Além de mobilizar a sociedade no combate ao mosquito Aedes aegypti, o evento tem o objetivo de divulgar a nova competência da Funasa, a partir da criação do seu Departamento de Saúde Ambiental (Desam), oficializado pelo decreto nº 7.335 de 19.10.2010, prevendo ações de Saúde Ambiental incluindo o controle da qualidade da água para consumo humano e a identificação dos fatores ambientais que determinam risco para a saúde do homem.

Segundo Padilha "a Funasa tem um papel estratégico na implementação de políticas, programas e ações de saúde e saneamento no Brasil, inclusive no esforço de controlar a dengue". Nesse sentido, a Funasa, por meio do Desam, em conjunto com o Departamento de Engenharia de Saúde Pública (Densp), elaborou proposta de atuação no contexto das ações de controle da dengue, trabalhando integrada com Estados e Municípios com ênfase nas ações de Educação em Saúde Ambiental, Mobilização Social, Controle da Qualidade da Água para Consumo Humano e Saneamento Ambiental. No âmbito estadual, representantes da Funasa já estão integrados ao Comitê Estadual de Controle da Dengue, que realiza reunião semanal para avaliar a situação da doença no Pará.

Redes sociais oficiais do Hemopa

Responsável pela coordenação estadual da Política de Sangue, a Fundação Hemopa divulga seus produtos e serviços nas redes sociais de comunicação da internet, onde os usuários e a população em geral podem ter acesso aos espaços virtuais oficiais com informações claras, objetivas e corretas. São eles: Twitter:@hemopa_PA. Site:www.hemopa.pa.gov.br. Orkut:Fundação Hemopa.Facebook:Fundação Hemopa.
Os conteúdos desses espaços são administrados pela Assessoria de Imprensa do órgão, que possui profissionais capacitados e autorizados para tanto. Qualquer informação com perfis não oficiais devem ser sumariamente desconsiderados.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 .

Campanha de doação de sangue do Carnaval

Agende sua doação de sangue e cadastro de doação de medula óssea para campanha do carnaval que o Hemopa promoverá de 22/02 a 03/03. “Faça o carnaval ser mais alegre.Doe sangue.É o tema da ação que tem a meta de 300 coletas/dia. Durante o período haverá distribuição de camisetas, preservativos, além de lanche especial.A ação tem o objetivo de formar estoque técnico para atendimento satisfatório da demanda transfusional do feriadão carnavalesco, quando as doações reduzem em torno de 30%.A mobilização se estenderá nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema.Mais informações:08002808118.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e peso acima de 50 quilos é um doador em potencial. É necessário portar documento de identidade original e com foto.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis,Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada três meses e a mulher a cada dois meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/ ou pelo blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com/

Hemopa tem novos diretores

Com a nova presidência, a Fundação Hemopa apresenta sua nova diretoria:


Área Técnica: a médica hemoterapêuta-imunohematologista, dra.Socorro Ferreira que é servidora de carreira do hemocentro há 28 anos.







Área Administrava-Financeira, o consultor jurídico Helder Pantoja. Ambos já ocuparam outros cargos na instituição, em gestões anteriores . Boas vindas!!

O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/ .Blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com/ ou pelo Twitter:@hemopa_PA
Em sintonia com o Hemopa sede, o Hemocentro Regional de Castanhal, coordenado pela dra. Sandra Lobato, realizará campanha do carnaval de 22/02 a 03/03, com doação de sangue e cadastro de medula óssea. A meta será de 50 coletas e 10 cadastros/dia. A programação contará com atrações artísticas, ornamentação carnavalesca. No dia 04, haverá desfile do “Bloco Solidariedade”, com distribuição de material educativo. Os doadores do período terão lanche especial e diferenciado todos os dias da semana.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e peso acima de 50 quilos é um doador em potencial. É necessário portar documento de identidade original e com foto.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis,Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada três meses e a mulher a cada dois meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado. Foto:Campanha do carnaval ano passado foi aberta com desfile do bloco.
O Hemopa Castanhal, sob a responsabilidade técnica da médica, Sandra Lobato, espera por você na Travessa Floriano Peixoto, Alameda Rita de Cássia, Conj. Maria Alice, casa B-2 e B-3. Fone: (91) 3721.2986 / 3721.4008. A unidade funciona para coleta de sangue de 7h às 13h, de segunda a sexta-feira.E-mail: hrc@linknet.com.br ou ainda hemopacastanhal@yahoo.com.br
Foto: Funcionários e doadores do Hemocentro de Castanhal, na campanha do carnaval de 2010.

Parabéns, aniversariantes!

Mês-Fevereiro
Sede-Jose Ribamar Rodrigues (08), Marcelo Freitas (09), Edilena do Rosário da Silva (11), Antonia Coutinho (11), Jose Robson Paixão (12), Tais Pinheiro (12), Liane Cecília Rocha (13), Maria das Graças Viana (14), Jacira da Silva (14). Abaetetuba: Luis Marcelo Lobato (13). Capanema: Dinaelsa dos Santos (09). Santarém: Raimundo Cleber Guimarães (12). Redenção: Anderson Sales de Brito (14).
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: www.hemopa.pa.gov.br ou pelo blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com

Boas vindas

A funcionária da área técnica, Luzia Leite, postou no Orkut felicitações e elogios a nova presidente do Hemopa, dra. Luciana Maradei e sua diretora Técnica, dra. Socorro Ferreira: “Dra. Luciana, que Deus abençoe sua nova jornada. Dra.Socorro você é um exemplo de amiga, mãe e mulher.Deus na sua infinita sabedoria, abençoe a sua missão”.

Parabéns, "Barra Pesada!

O Hemopa parabeniza o Grupo RBA pelo aniversário de 20 anos do programa “Barra Pesada”, no próximo dia 13. O hemocentro participará das comemorações na Aldeia Amazônica, onde haverá oferta de serviços de cidadania e muitas atrações. O Hemopa fará cadastro de doadores de medula óssea com sua unidade móvel, de 8h às 13h. O anúncio da parceria foi feito pela dra. Luciana Maradei, durante visita de cortesia ao Grupo RBA.Ela foi recebida pelo diretor administrativo e financeiro, Francisco Melo.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: www.hemopa.pa.gov.br ou pelo blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com.
Foto: Dra. Luciana Maradei e Francisco Melo.

Calendário campanhas externas

Para aumentar o estoque técnico de sangue, o Hemopa estará com sua unidade móvel nos seguintes locais: Dias 9 e 10/02, de 10h às 20h, no Shopping Castanheira, com coleta de sangue. Dia 13, de 8h às 12, campanha em parceria com a RBA, na Aldeia Amazônica. Nos dias 15 e 16/02, de 15h às 21h, na Unama da Alcindo Cacela e Unama Senador Lemos, respectivamente.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e peso acima de 50 quilos é um doador em potencial. É necessário portar documento de identidade original e com foto.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis,Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada três meses e a mulher a cada dois meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.

Mas, e você preferir vir até o Hemopa, esperamos por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/ ou pelo blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com/

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Hemopa e Grupo RBA firmam parceria

A presidente da Fundação Hemopa, dra. Luciana Maradei, fez visita de cortesia na manhã do dia 02 à rede Brasil Amazônia (RBA), para agradecer o apoio recebido do grupo de comunicação às ações estratégicas da instituição.Ela também aproveitou a oportunidade para enfatizar a importância da parceria. "Agradecemos o apoio da RBA e esperamos manter esse relacionamento de responsabilidade social com a divulgação dos produtos e serviços do hemocentro, especialmente as campanhas de estímulo à doação de sangue e cadastro de doadores de medula óssea", disse Luciana Maradei que foi recebida pelo diretor-financeiro do grupo, Francisco Melo.
A visita teve outro importante objetivo de divulgar a campanha de incentivo à doação de sangue e de cadastro de doadores de medula ósaea, referente ao carnaval, de 22/02 a 03/03. A meta é de será de 300 coletas/dia, para reforçar estoque técnico do hemocentro e garantir atendimento satisfatório da demanda transfusional do feriadão momesco. "Faça o carnaval ser mais alegre.Doe Vida.Doe Sangue".
A ação estratégica será desenvolvida simultaneamente nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Santarém e Marabá; e nos Núcleos de Hemoterapia de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema.
Foto: Dra. Luciana Maradei sendo recebida por Francisco Melo.

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Campanhas externas

O Hemopa realizou duas ações estratégicas nos dias 26 e 27/01, em frente a Agência do Banco do Brasil (BB), que resultou em 207 comparecimentos. No dia 05, de 8h às 16h, o Hemopa realizará campanha externa de doação de sangue e cadastro para doação de medula óssea na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, na Trav. das Mercês.A meta será de 50 coletas/dia.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 65 anos e peso acima de 50 quilos é um doador em potencial. É necessário portar documento de identidade original e com foto.Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis,Doença da Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada três meses e a mulher a cada dois meses. Para doar sangue não é preciso estar em jejum. O doador deve estar bem alimentado.
O Hemopa espera por você na travessa Pe. Eutíquio, 2109.Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 12h30. Maiores informações pelo fone: 08002808118 ou pelo site: http://www.hemopa.pa.gov.br/ ou pelo blog: http://fundacaohemopa.blogspot.com/

20 Hemopa no aniversário do programa“Barra Pesada"

O Hemopa participará das comemoração dos 20 anos do programa “Barra Pesada”, da Tv RBA, no dia 13/02, na Aldeia Amazônica, onde será realizado vasta programação com ofertas de serviços de cidadania e atrações musicais. A emissora produzirá chamadas divulgando a comemoração por toda sua programação da Tv e rádios do grupo de comunicação.O Hemopa estará presente com as suas duas unidades móveis e coleta de sangue para campanha externa com doação de sangue e formação de cadastro de doadors de medula óssea.
o Hemopa agradece o convite.

SBT/ Belém em parceria com o Hemopa

No dia 19/02, o SBT/Belém promoverá pré lançamento da campanha do carnaval promovida pelo Hemopa de 22/02 a 03/03. A ação contará com a unidade da emissora na área frontal do hemocentro (estacionamento) para receber artistas, carnavalescos e pessoas que formam opinião positiva sobre o processo da doação de sangue e cadastro de doação de medula óssea. Fazendo parte da programação, no dia 18, a emissora fará chamadas ao vivo do prédio do Hemopa diretamente para o Jornal do SBT Pará, convocando seus telespectadores para participarem da campanha solidária. A ação é de iniciativa da emissora local que desenvolve ações de responsabilidade social junto aos seus funcionários, familiares e população em geral. A meta será 250 coletas. A ação conta com apoio do SBT/SP, que dará suporte às produções de chamadas para a campanha duas semanas antes do pré lançamento da campanha do carnaval. O Hemopa agradece!
Foto: Esq p/ Dir: Juliana Magalhães e Vanessa Almeida (SBT/SP), Érika Nogeuira (SBT/Belém); e a jornalista Vera Rojas e e médica Ilka da Silva Rosa, do Hemopa