sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

NOTA DE FALECIMENTO


Jairo Leal em destaque na foto, participando de
uma apresentação do coral.
A Fundação Hemopa comunica com profundo pesar, o falecimento do servidor Jairo Leal Rocha, neste dia 28/12.O agente administrativo, e colega muito estimado, foi admitido 17/01/2006, estava lotado na Gerencia de almoxarifado e patrimônio (Gerap) e participava do coral do Hemopa. Ele sempre desenvolveu suas atividades com empenho, dedicação.

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

Coleta de sangue com horários alternados

 A Fundação Hemopa informa à população em geral, que nos dias 24 e 31/12, não haverá coleta de sangue, atendendo decreto nº 626, 17/12/2012, do Governo do Estado, que facultará o expediente nas repartições públicas integrantes da administração direta, autárquica e fundacional. Nos dias 22 e 29 deste mês, excepcionalmente, o horário para doação de sangue será de 7h30 as 15h.
Os jovens são responsáveis por cerca de 50% das coletas.
A gerente de Captação de Doadores, a assistente social Juciara Farias, conta com a participação de voluntários para manter estoque de sangue do hemocentro, que tem a responsabilidade de assegurar atendimento da demanda transfusional da rede hospitalar pública e privada. “Enfrentamos eventual desaceleramento das doações no final do ano, que é um período de férias e muito festivo. As pessoas acabam deixando a doação em segundo plano”, comentou, lembrando á todos que a necessidade de transfusão não tira férias e nem folga. “Antes de se deslocar da cidade, faça sua parte: doe sangue”, sugeriu.

Segundo ela, o Hemopa coleta normalmente, uma média diária de 250 bolsas de sangue par atender cerca de 300 solicitações de transfusões. Com esses feridos, vamos deixar de coletar aproximadamente 500 doações. Para suprir essa defasagem, ela convida antigos e novos doadores para se dirigir ao Hemopa para exercer a solidariedade de salvar vidas, doando sangue.

As doações de mulheres aumenta cada dia: 30%, hoje.

Quem pode doar sangue: candidatos com boa saúde; idade entre 16 anos completos e 67 anos. Peso acima de 50 kg. Necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado. O resultado dos exames dos doadores pode ser obtido on line, através do site: WWW.hemopa.pa.gov.br, em 30 dias após a coleta do sangue.
Serviço: O Hemopa espera por você na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 17h. Maiores informações pelo fone: 08002808118.

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Hemopa realiza recital e peça teatral

No último dia 14, às 19h, a Fundação Hemopa realizou o “II Auto de Natal” com apresentações de musical, recital do Coral do hemocentro, regido por Cleidson Martins. O evento teve ponto alto com a apresentação da peça teatral “O Natal Mágico de Lucas”, que foi prestigiado com a presença maciça de funcionários, familiares e sociedade em geral, que lotou a área frontal do prédio, pela rua Serzedelo Corrêa.
A atividade tem o objetivo de compartilhar com os funcionários e a sociedade um momento de união e reflexão, que exalta o espírito natalino. De acordo com a titular da Assessoria de gestão de Pessoas, (Agesp), a assistente social Gisele Miranda, o auto de natal contou a história do menino abandonado, chamado Lucas, que sonhava em ter uma família. No roteiro, Ana, uma mulher que sonhava em ter um filho, pediu ao marido Paulo para passar a noite de Natal com uma criança órfã. Lucas aceita o convite e vivencia uma linda história de natalina, onde através de sonho, passa a interagir com vários personagens da literatura infantil, procurando Papai Noel e, assim, realizar seu grande desejo de ganhar uma família como presente de Natal.

 Ficha Técnica da peça teatral, composta por funcionários e convidados: Angela neves – como mórbido; Carlos Roberto da Silva – como Paulo; Dilza Helena Portilho - como duende doente; Eliane Coelho - como borboleta; Gisele Miranda - como rena renata; Wal Flexa – como chapeleiro maluco; Mardenilma Maia – como fada madrinha azul; Patrícia arruda – como Ana; Vanessa; Paraguassú – como Pinóquio; Regina Martinho – como mamãe noel; Rivênia Vasconcelos - como árvore; Telma Saraiva – como esquilo
Participação especial: Lucas Gabriel – como Lucas; Messias Castro – como papai noel; coral de vozes da fundação Hemopa – regente; Cleison da Silva – Participação: Carlos Augusto.Parceria: comunidade educativa “O mundo do peteleco”.

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Gincana solidária faz de centenas de pacientes

No último dia 15, a Fundação Hemopa, através da Gerência de Serviço Social de Pacientes (Geses) realizou confraternização de Natal para centenas de pacientes carentes atendidos pelo hemocentro, que foram presenteados com 400 brinquedos novos e entrega de 150 cestas básica, arrecadados durante “V Gincana Solidária”, entre funcionários.
A gincana movimentou todos os setores do Hemopa. O primeiro lugar em arrecadação de brinquedos ficou com a equipe da Assessoria de Imprensa (Assimp) que doou 70 brin quedos. O primeiro lugar com as doações de alimentos não perecíveis foi conquistado pela equipe da Gerência de Processamento (Gepro). Bastante satisfeita com o saldo da campanha, a presidente do hemocentro, dra. Luciana Maradei agradeceu a participação de cada funcionário na campanha. “Todos estão de parabéns pela adesão à campanha e pelo feliz Natal de muitas crianças e famílias de pacientes atendidos pelo hemocentro”, enfatizou.
A festa de confraternização com distribuição de lanche e atividades recreativas, de 9h às 12h. Segundo a titular da Geses, a assistente social Cristina Socorro, este ano os funcionários da área Técnica ficaram com a responsabilidade de arrecadar alimentos e os da área Administrativa, os brinquedos. “É uma disputa do bem. Todos são envolvidos pelo espírito natalino fazendo com que nossa campanha seja um sucesso desde o início e ao final onde quem ganha são nossos pacientes mais carentes”, disse, reforçando o agradecimento para todos que participaram da ação solidária.

Hemocentro de Marabá reúne comitê transfusional


O Hemocentro Regional de Marabá (HRM) encerrou as reuniões do Comitê Transfusional no dia 30/11, no auditório do hemocentro, que contou com cerca de 23 de representantes dos hospitais de Marabá e região. A atividade tem objetivo de desenvolver estratégias para uso racional e seguro do sangue e hemoderivados, estimular o desenvolvimento técnico e científico na área da terapia transfusional e propor normas, rotinas e formas de controle de qualidade do processo transfusional, propiciando maior segurança e qualidade da assistência hemoterápica.
Durante a reunião, foram abordados os seguintes temas: Contrato de Assistência Hemoterápica, NAT – Teste de Ácido Nucleico e o impacto em coletas externas de doadores de sangue. “Aproveitamos a oportunidade para iniciar o planejamento das ações para 2013, sempre com o objetivo de elevar a qualidade dos serviços oferecidos”, comentou a dra. Socorro Leão, que é medica do hemocentro e coordenou a última reunião do comitê, que acontece trimestralmente.
Serviço: O Hemopa Marabá espera por você na Rod. Transamazônica, Quadra 12, S/N.Entre Av. Hiléia e Av. Amazônia. Bairro: Amapá . Funcionamento para coleta de sangue, de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 13h. Fone: (94) 3324.1645 / 3324.1810.E-mail: àmailto:hemopa@skorpionet.com.br. Outras informações:8002808118, de 2ª a 6ª, de 8h às 18h, e aos sábados até às 17h.

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Hemopa prorroga Gincana Solidária


Você pode fazer o Natal de muitas crianças carentes bem mais feliz. O serviço Social de Pacientes (Geses) prorrogou até o dia 14/12, a “V Gincana Solidária” para arrecadar brinquedos novos e alimentos não perecíveis, que serão distribuídos, dia 15/12, durante confraternização dos pacientes atendidos pelo hemocentro. A campanha tem a meta de arrecadar 800 brinquedos e formar 250 cestas básicas. 
O pequeno João Vitor, 3 anos, é um dos pacientes que estão aguardando a confraternização porque sabe que haverá festinha, lanche e distribuição de brinquedos. Segundo a mãe do garoto, Silvia Elenir da Glória, assim que ele chega no Hemopa para receber atendimento, vai direto para a “brinquedoteca”. “Lá ele brinca bastante e não para de falar na festinha do Natal. Eu também estou ansiosa para receber a cesta natalina que nos ajuda e muito no Natal”, revelou. Segundo a assistente social Cristina Socorro, este ano os funcionários da área Técnica do Hemopa, estão com a responsabilidade de doar alimentos e os da área Administrativa, os brinquedos. “Contamos com todos, para aderir ao movimento solidário”, disse Cristina. Que disse ainda, que a participação na campanha está aberta para a sociedade em geral.
Ano passado, a gincana arrecadou mil brinquedos e viabilizou a distribuição de 300 cestas básicas. Das doações, ainda foi possível dispor de uma retaguarda de alimentos para diversas atividades realizadas com os pacientes no decorrer deste ano.
A direção do Hemocentro agradece todas as doações que possibilitaram um Natal mais feliz para centenas de pacientes hematológicos atendidos pelo Hemopa.
Serviço: O Hemopa espera por você na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. O atendimento para pacientes é de segunda a sexta-feira, de 7h às 19h, e aos sábados atendimento só em regime de urgência. Mais informações pelo: 08002808118

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Alunos do Senai com campanha de doação de sangue

Vinte e cincos alunos do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) estiveram na manhã desta quarta-feira, 05, na Fundação Hemopa, para se habilitar à doação voluntária de sangue.
A campanha de doação de sangue intitulada “Professor solidário” foi idealizada pelo professor de Informática Franclen Neves, 37, que sugeriu aos alunos concluintes de vários cursos que, ao invés da tradicional festinha no fim de curso, doassem sangue. “Essa ação já faz parte do cronograma de fim de curso do Senai, e todos os alunos são convidas á comparecer ao Hemopa, e praticar esse gesto de solidariedade e amor ao próximo”, disse Franclen. Que disse ainda, que os alunos usaram o que aprenderam no curso para desenvolver matérias de incentivo a doação de sangue, para convidar outros alunos para participar da ação voluntária de doação. O estudante de web design, Jonathan Nicolas, 20, foi incentivado pelos professores e amigos de curso a doar sangue. “Eu sempre tive vontade doar sangue, e aproveitei essa ação e vim doar, para ajudar a salvar vidas”, disse o estudante.
Essa é a segunda ação que os professores do Senai desenvolvem, em parceria com a Gerência de captação de doadores do Hemopa.

Quem pode doar sangue: candidatos com boa saúde; idade entre 16 anos completos e 67 anos; peso acima de 50 kg. Necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sanguínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado.
Quem pode fazer cadastro de doação de medula óssea: Homem ou mulher saudáveis e com faixa etária de 18 a 55 anos. Necessário portar documento de identidade original e com foto. Agora, os doadores podem obter o resultado desses exames pela internet, através do site www.hemopa-pa.gov.br, em até 30 dias.
Serviço: O Hemopa funciona na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. Horário para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 17h. Maiores informações pelo fone: 08002808118


segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Hemopa promove feirinha e auto de natal


O Serviço de Assistência de Saúde ao Servidor da Fundação Hemopa, estará realizando nos dia 12, 13 e 14 deste mês, a “Feirinha Natalina”. A ação faz parte da programação de confraternização, e conta com a participação de funcionários, pacientes e familiares. Esse projeto é totalmente voltado para compartilhar com a sociedade este momento de união e reflexão que transpassa através do espírito natalino. A comercialização dos produtos é de 8h às 13h, no Hall de entrada do Hemopa.
No dia 14, às 19h, haverá a apresentação musical com o recital do Coral do hemocentro e convidados. Em seguida, teremos a apresentação da peça teatral “ O Natal Mágico de Lucas”, composta por funcionários do Hemopa. Tudo isso, na área de estacionamento do Hemopa.

Quem pode doar sangue: candidatos com boa saúde; idade entre 16 anos completos e 67 anos. Peso acima de 50 kg . Necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado. O resultado dos exames dos doadores podem  ser obtidos on line, através do site: WWW.hemopa.pa.gov.br, em 30 dias após a coleta do sangue.
Serviço: O Hemopa espera por você na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 17h. Maiores informações pelo fone: 08002808118.

Hemopa encerra homenagens aos doadores de sangue


Último dia da Campanha em homenagem ao Doador
No último sábado, primeiro de dezembro, a Fundação Hemopa encerrou a campanha em homenagem aos doadores, que teve início dia 24/11. O Hemopa registrou 2.286 comparecimentos, de voluntários que aderiram à campanha “Salvar vidas precisa mais que pulso. Precisa de coração. Doe sangue”. A ação tem a missão de suprir o atendimento transfusional de final de ano, quando a hemorrede brasileira enfrenta dificuldades com a redução de comparecimento de voluntários, em função do período festivo.
A direção do hemocentro agradece todas as doações efetivadas durante a campanha e deseja um feliz Natal e um Ano Novo de sucesso, saúde e paz para todos que salvam vidas, doando sangue.
Ex-doador Belarmino, ajudando a distribuir camiseta
 para os doadores
A mobilização foi realizada simultaneamente nos Hemocentros Regionais de Castanhal, Marabá e Santarém; e nos Hemonúcleos de Abaetetuba, Altamira, Tucuruí, Redenção e Capanema.

Quem pode doar sangue: candidatos com boa saúde; idade entre 16 anos completos e 67 anos. Peso acima de 50 kg . Necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. Com a doação são realizados exames para diversas doenças, entre elas: Aids, Sífilis, Doença de Chagas, Hepatites, HTLV I e II, além de tipagem sangüínea. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher a cada três meses. O doador deve estar bem alimentado.

Quem pode fazer cadastro de doação de medula óssea: Homem ou mulher saudáveis e com faixa etária de 18 a 55 anos. Necessário portar documento de identidade original e com foto

A novidade do Hemopa é que os doadores podem obter o resultado desses exames pela internet, através do site www.hemopa-pa.gov.br, em até 30 dias.
Serviço: O Hemopa espera por você na Tv. Pe. Eutíquio, 2109. Funcionamento para coleta: de segunda a sexta-feira, de 7h30 às 18h, e aos sábados de 7h30 às 17h. Maiores informações pelo fone: 08002808118